Epson vai deixar de vender impressoras a laser em prol do meio ambiente

0
33

Em um comunicado veiculado na quinta-feira (17), a fabricante Epson confirmou que deixará de produzir e vender impressoras a laser até o ano de 2026. A empresa está investindo pesado na transição de seus equipamentos para a tecnologia baseada em jato de tinta (Inkjet), de modo a reduzir os impactos ambientais causados pela impressão em papel. 

De acordo com a empresa, o objetivo é tornar toda a linha de impressoras Epson mais sustentável. Embora muito utilizados em escritórios (principalmente pela velocidade de impressão), os modelos a laser utilizam um processo de aquecimento interno, que não apenas consome muita energia, como ainda resulta em emissões consideráveis de carbono. 

Outro ponto destacado pela Epson é que a tecnologia baseada em lasers costuma gerar uma quantidade significativamente maior de lixo e resíduos, como destaca a imagem abaixo, comparando o volume de consumíveis após cerca de 1 milhão de páginas impressas:

Impressora a jato de tinta: uma alternativa mais consciente

Em contrapartida ao laser, a tecnologia inkjet é apontada como a alternativa mais sustentável, conforme dados levantados pela Epson. Em primeiro lugar, a fabricante destaca que modelos de impressoras a jato de tinta não necessitam da etapa de aquecimento, o que faz com que elas consumam até 85% menos energia elétrica. Do mesmo modo, a emissão de carbono também é reduzida em até 85% nas versões inkjet.

Por fim, a fabricante comenta a questão da quantidade de lixo produzido pelo uso prolongado dos equipamentos. Impressoras a jato de tinta utilizam bem menos componentes e requerem até 59% menos substituições de peças – basta a troca do toner, enquanto os modelos a laser requerem substituições de outras partes, como tambor, fusores, entre outros.

Nova geração de impressoras Epson anunciada 

O anúncio da migração do laser para inkjet veio um ano após a Epson ter revelado um investimento de aproximadamente 100 bilhões de ienes (valor próximo de R$ 4 bi) em inovação sustentável. No mesmo Press Release, a Epson também deu destaque ao seu novo modelo de impressoras a jato de tinta para escritórios, a Epson WorkForce Enterprise AM-Series.


Continua após a publicidade

Essa nova linha de impressoras será capaz de imprimir entre 40 a 60 páginas por minuto, utilizando uma tecnologia livre de aquecedores e com cabeçotes estáticos para acelerar a impressão a tinta. 

A nova série WorkForce Enterprise AM-Series também possui um formato mais compacto, com peso reduzido, algo que pode ser vantajoso para a sua operação no ambiente empresarial. Outros destaques do produto incluem um alimentador de papel em forma de “C”, que promete reduzir os emperramentos, alta capacidade de tanque de tinta e possibilidade de carregar a máquina com até 5.150 folhas de papel por vez.  

Você pode conferir todos os detalhes das novas impressoras Epson a jato de tinta neste link. As datas de lançamento dos novos produtos serão confirmadas de acordo com cada território de operação da marca. 

Fonte: Epson

…..

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui